"Nós não somos seres humanos tendo uma experiência espiritual. Somos seres espirituais tendo uma experiência humana"

(Teillard de Chardin)

03 agosto 2012

Você é responsável

  
Você é responsável pelo corpo que lhe serve de morada provisória.

Não se descuide dele. 

Não lhe ofereça nada que possa prejudicá-lo, não o mime, não o trate como uma criança caprichosa. Você vai prestar contas do que fizer dele.

Sabemos que o nosso corpo tem necessidades orgânicas que devem ser satisfeitas, contanto que mantenhamos as rédeas para evitar abusos.

Não deixemos que as emoções nos levem ao caos do desespero ou da angústia. Cada situação que precisarmos viver devemos vivê-la integral e conscientemente, analisando-lhe as raízes para que possamos observar e sentir a força que trazem e os ensinamentos que contêm e frutificam.

Nada acontece por acaso. Tudo obedece a uma lei sábia. Assim, não temos por que nos angustiar com os contratempos que a vida nos trouxer, sentindo que tudo que acontece é para o bem.

Ver a superfície sem penetrar na profundidade pode nos perturbar, porque a superfície é ilusória. Só a raiz nos mostra a qualidade da planta que dali vai crescer.

A melhor solução possível para nossos problemas deve se fortalecer em conhecermo-nos por dentro, dialogar conosco, perceber em que estado espiritual nos encontramos.

Os problemas da vida são lições que precisamos aprender, não castigo que deve nos punir. 

Deus não premia nem castiga; nós é que somos os construtores de nosso destino. Se o queremos bom, alegre e harmonioso, está em nossas mãos delineá-lo.

Cuidemos de nós com mais atenção, se quisermos ser felizes e viver em paz.


(in  “...A Verdade e a Vida”, de Cenyra Pinto)


*  *  *