"Nós não somos seres humanos tendo uma experiência espiritual. Somos seres espirituais tendo uma experiência humana"

(Teillard de Chardin)

03 outubro 2014

O mundo está mudando


O mundo está mudando: posso senti-lo na terra, posso senti-lo na água, posso farejar no ar.”

(palavras ditas pelo personagem Barbárvore, da saga Senhor dos Anéis, livro 3, O Retorno do Rei*)

*

A frase acima, escrita por Tolkien há mais de meio século, enquadra-se perfeitamente no tempo em que vivemos.

Podemos sentir os sinais na terra, na água e no mar. 

Às vezes, sinto como se o mundo se preparasse para um evento grandioso, algo que realmente mudará tudo o que vemos e conhecemos.

Não quero parecer alarmista, mas basta olhar ao nosso redor.

Os sinais estão em toda parte.

Terremotos (terra), tsunamis (água), mudanças climáticas (ar).

Parece que tudo anuncia que o mundo está mudando, como que indicando o “princípio das dores” – Marcos 13:8: “Porque se levantará nação contra nação, e reino, contra reino. Haverá terremotos em vários lugares e também fomes. Estas coisas são o princípio das dores.”

Até o tempo parece estar passando mais rápido. 

Mal começamos a semana e ela está terminando. Mal entramos no ano e logo ultrapassaremos a metade de seu primeiro trimestre.

Ainda me lembro de uma época em que o ano parecia não passar. O ano realmente parecia “um ano”. Agora, esse mesmo período parece “voar”, como dizem.

A princípio, pensei que essa velocidade do tempo fosse consequência de meu novo estilo de vida adulto. 

Na juventude, talvez, os dias pareciam passar mais devagar. Agora, com tantas responsabilidades e agenda sempre lotada, eu teria essa impressão de que o tempo passa mais rápido.

Com isso em mente, questionei um amigo de mais experiência. 

Quando eu era garoto, ele estava justamente na minha atual fase de vida.

Perguntei-lhe: “Na sua época de maior atividade, parecia que o tempo passava tão rápido?” 

“Não”, ele respondeu. “Mesmo com toda a correria daquela fase, ainda sinto que hoje está diferente.”

Só posso reafirmar: o mundo está mudando.

Há coisas grandiosas para acontecer e a terra as anuncia.

Não temos ideia de quanto demorará para acontecer – se breve ou se a passos lentos –, mas uma coisa é certa: irá acontecer!

Mas uma questão se impõe: O que vai acontecer? Quer mesmo saber? Não vou contar. Você vai ter que pesquisar por si mesmo. (…)


(Denis Cruz)


P.S.: Ouço os passos de um Deus que Se aproxima.



* Na versão cinematográfica esta fala é de Galadriel e é a introdução do primeiro filme.






* * *